O que acontece em uma cerimônica wicca?

14:10

Religião quase desapareceu durante a Idade Média.



Cerimônia WiccaDe todas as linhas do neopaganismo que entraram em voga a partir do século 20, a wicca é a que tem mais adeptos. Ela se baseia em tradições do norte da Europa e da Grã-Bretanha que datam de mais de 2 mil anos atrás e que haviam sido praticamente exterminadas durante a Idade Média. Os seguidores da wicca acreditam na existência de dois deuses, um masculino e um feminino, e dizem que é possível mobilizar as forças da natureza e as energias que nos cercam para curar doenças e tratar problemas psicológicos
Religião – Neopaganismo Wicca
Surgimento – Século 20, Reino Unido
Onde é mais praticada – Europa, América do Sul, Austrália e Estados Unidos
Praticantes – 2 milhões

1. VARRIÇÃO COMPLETASete em cada dez praticantes são mulheres. Em geral, os rituais acontecem em clareiras de bosques, à noite, e começam da mesma forma: a sacerdotisa empunha uma típica vassoura de bruxa, com cerdas de palha e cabo decorado com pinturas e ervas purificadoras, como alecrim e arruda. Nessa varrição espiritual, as cerdas jamais encostam no chão. O objetivo é limpar o local de toda carga negativa
2. DECORAÇÃO MINUCIOSADepois da limpeza, o altar é posicionado pela sacerdotisa, que coloca, sobre ele, uma toalha, velas de cores variadas, um punhal chamado athame, copos, água, incensos, sal marinho e uma joia em forma de pentagrama. Como decoração extra, flores e frutas. A cor das velas, assim como a escolha das flores e das frutas, depende de cada ritual
3. CÍRCULO LACRADOAntes do ritual, todos os participantes devem tomar um banho especial, à base de ervas diluídas em água. Eles vestem roupas confortáveis e de cor clara. Quando todas as pessoas estão posicionadas, a sacerdotisa marca um círculo de proteção no chão, decorado com rosas e cordões. Depois de traçado, ninguém pode entrar ou sair da roda
4. REZA NA BÚSSOLAA cerimônia começa com um chamado para os quatro elementos, representados pelos pontos cardeais. Norte, sul, leste e oeste significam, respectivamente, ar, fogo, água e terra. Para cada um deles existe uma oração específica. Na sequência, todos invocam o deus e a deusa (eles não têm nomes específicos). Para cada oração, há, de novo, velas de cores diferentes.
5. CURA PARA TODOSAs participantes entoam cânticos que ajudam a sacerdotisa a entrar em conexão com o mundo espiritual. Ela usa as ferramentas posicionadas no altar para cuidar da saúde das pessoas. Bafora fumaça e asperge água (mais ou menos como o padre faz com água benta) nas pacientes, a fim de tratar doenças, como depressão e manchas inexplicáveis
6. TAÇA E CALDEIRÃONão existe ritual sem caldeirão. Dentro dele fica um acendedor de lareira ou álcool, com galhos e ervas perfumadas. O fogo fica aceso durante toda a cerimônia e os fiéis se aproximam da fumaça que sai dele em busca de limpeza espiritual. As taças colocadas no altar podem ter água ou vinho previamente consagrado e são compartilhadas em celebração
7. VELAS APAGADASO ritual dura várias horas. No encerramento, o grupo se ajoelha diante do altar e reza para a deusa e para o deus, agradecendo pela vida e pelos trabalhos realizados. Depois, repete a saudação aos elementos. As velas são apagadas com os dedos molhados ou um abafador – nunca se deve assoprar a chama, porque ela espalharia energia negativa
8. TUDO ANOTADINHOA sacerdotisa mantém um diário em que registra o ritual, seus participantes, as magias usadas e os resultados. Os cadernos formam o chamado Livro das Sombras, que deve ser escrito a mão. Cada bruxa tem seu próprio diário, mas existe um livro geral, que serve de base a todas elas.
UMA ÚLTIMA CURIOSIDADE – Não existem regras fixas para o jeito de se vestir durante o ritual. Em alguns lugares, como na Inglaterra, é comum que todos participem nus...

You Might Also Like

0 comentários

Mais Lidas

Postagem em destaque

E Se Prety Little Liars Fosse Brasileira? (Versão Globo)

Já fizemos esse post aqui, porém no modo SBT (isso é, usando atores jovens do SBT) agora vamos fazer usando os da Globo.inc. Você já pensou...

Posts mais vistos