Distração

Top 10: Atores marcados por seus personagens

22:52

Veja a lista com os artistas que nunca serão esquecidos por seus papéis



Por mais que alguns atores façam milhares de filmes ou programas de TV, existe sempre aquele personagem que marca sua vida em um grande trabalho no cinema. Nosso querido Hugh Laurie sempre será lembrado por seu papel como o médico mais ranzinza do mundo, o Dr. House, por exemplo.

Seguindo esta linha, o Universal Channel preparou uma lista com os atores que ficaram marcados por um personagem:

1. Daniel Radcliffe – Harry Potter

Harry Potter (Foto: .)


Basta lembrar da sequência de filmes do bruxo que logo pensamos em Daniel Radcliffe, não é mesmo? Apesar de já ter trabalhado em projetos posteriormente, a carreira do ator ficará para sempre marcada por Harry Potter.

2. Emma Watson – Hermione Granger

Hermione (Foto: .)


Outra celebridade que também será lembrada eternamente por seu papel na saga Harry Potter é Emma Watson, como a melhor amiga do bruxinho, Hermione.

3. Arnold Schwarzenegger – Exterminador

Exterminador (Foto: .)


O clássico Exterminador do Futuro começou sua saga em 1984 e, desde então, Schwarzenegger deixa sua marca registrada como o cyborg protetor da família Connor. E o ator já está se preparando para a continuação Exterminador do Futuro 5, que começa a ser gravado em 2013.

4. Macaulay Culkin – Kevin McCallister

Kevin McCallister (Foto: .)


Quem nunca se referiu ao ator como o garotinho de Esqueceram de Mim? Apesar de estar fora dos estúdios de filmagens há um tempo, Macaulay Culkin não consegue desvincular sua imagem do caçula da família McCallister que é esquecido em casa depois de todos partirem em viagem de férias.

5. Leonardo DiCaprio e Kate Winslet – Jack Dawson e Rose DeWitt Bukater

Jack e Rose (Foto: .)


Um dos filmes de maior bilheteria até os dias atuais não seria o mesmo sem a atuação de Leo e Kate. O amor entre os dois personagens, que surgiu dentro da famosa embarcação Titanic, foi tão intenso que marcou a carreira dos atores.

6. Elijah Wood – Frodo Baggins

Frodo Baggins (Foto: .)


O corajoso Hobbit, que entrou em uma batalha épica para salvar o mundo na trilogia O Senhor dos Anéis, tornou-se lendário com a atuação de Elijah Wood. Não tem como negar!

7. Robert Pattinson – Edward Cullen

Edward Cullen (Foto: .)


Falou em Crepúsculo, vem a imagem de Robert Pattinson na cabeça! O vampiro romântico é interpretado pelo ator nos quatro filmes da saga e já arrancou muitos suspiros das mulheres.

8. Kristen Stewart – Bella Swan

Bella Swan (Foto: .)


A namorada de Pattinson, tanto na vida real como na ficção, também ficará marcada como a inocente Bella de Crepúsculo e afins, a jovem que se apaixona por um vampiro e arrisca sua vida para viver ao lado dele.

9. Johnny Depp – Jack Sparrow

Jack Sparrow (Foto: .)


Apesar de ter diversos papéis que marcaram sua carreira, Johnny Depp nunca conseguirá se livrar da imagem do cômico personagem de Piratas do Caribe. Parece até que o papel foi feito especialmente para ele, não é?

10. Pierce Brosnan – James Bond

James Bond (Foto: .)


Muitos já passaram pelo papel do detetive charmoso, mas Pierce Brosnan é incomparável! O personagem serviu como uma luva para o ator, que já viveu papéis de destaque em outras produções, como Mamma Mia!, mas Brosnan não conseguiu se desprender da imagem do agente 007.


Em sua opinião, que outros atores foram marcados por seus personagens?

Lady Gaga

♪ Bum, bum, bum, Lady Gaga no Rá-Tim-Bum ♫

22:46

Bem antes da fama, Lady Gaga participava do "Castelo Rá-Tim-Bum" da TV Cultura e... ¬¬

Como não acredita? Tá duvidando? Então dá o play! (Hunf)
 

Huahuahuahuahahuahuahuhauhauhahauaa =PP


E a intimidade com as crianças? #meigo

Bju Fofis*


Musica

Madonna x Cindy Lauper

22:42

E por falar em "disse-me-disse", lembram também que, supostamente, a Christina Aguilera enfatizara: "Quem é Lady Gaga?" ao perguntarem do sucesso da "diva monster" pra ela? Ou as eternas perguntas como: "quem é a princesinha do pop? Brit ou Xtina?" Enfim...

Mas essas comparações e, até mesmo, uma simples fala que a mídia transforma numa briga imensa que nunca existiu, vem de loooonge, galere?

Madonna e Cyndi Lauper...

Sempre rolou o eterno boate que as duas não se suportavam. Quem responde? Cyndi! Dá um bizu no vídeo:


E dá-lhe, Cyndi!
 
 
na maior vibe dos anos 80! =PPP

Como eu sempre digo: a melhor música, a melhor cantora, a melhor banda, é a que você gosta! =P

Cultura

5 Mulheres que deixaram suas marcas...

22:33

5-Cleópatra


Eu tenho lá minhas duvidas (que ela existiu) Mais vamos nessa é uma das maiores influencias feministas no mundo atual. É uma das mulheres que mais marcaram a história.
Sem contar que sua beleza é impressionante muitos a descrevem Branca oque provavelmente é Negra afinal é no Egito a grande população egípcia é negra além do que é na África sua principal escultura do custo é negra é por isso que eu a aprecio tanto. Sem contar em como ela ditou moda na maquiagem



4-Rainha Vitoria


Rainha Vitória nome de peso na verdade uma de minhas inspirações na moda ela uma das principais mulher a ditar moda na época. Ela foi uma grande influencia nos tempos da era do gancho e merece ser lembrada na nossa lista.


3- Marilyn Monroe

Marilyn outro nome de peso Símbolo Pin Up rainha do ARTPOP ela era na época o maior símbolo sexual e sensual e feminista ela era uma verdadeira Material Girl quase uma Madonna ela partiu cedo mais o pouco que viveu deixou sua marca...


2- Isabel do Brasil

 
A mulher mais importante na historia do Brasil uma única palavra a resumi Alforria. Foi ela quem concedeu a Alforria LIBRDADE a Carne Negra EEEEEEEEEEEEEEE!!!!!!



1-Maria Antonieta
 
 
A maior ditadora da moda morta injustamente por causa justa e explicada a maio Lady Gaga da era do Glamour Resnascista a maior mulher dos últimos anos a mais influente e mais bem vestida a mais Lady gaga a mais causadora
 
Merecem destaques:
 
A maior Diva Pop dos últimos anos
 
Madonna
 
 
 
A mulher que fez o mundo do pop mudar ela merece ser Destacada...
Kakakakakaakakaka 

Cinema

Top 12 melhores fimes de Natal

21:53

Para os amantes do Natal, viciados em canções natalinas, e que se deixam levar pelo “espírito do Natal”, nada melhor que sentar uma tarde no sofá e desfrutar de um clássico filme de Natal, com toda sua nostalgia e a magia do Papai Noel! Assim que o blog Viagem Mundo te traz os 10 melhores filmes para se deliciar na época do Natal, entre comédias divertidas, dramas emocionantes e os clássicos infantis. 1. Polar Express (The Polar Express) 2004 – Inpirado na obra de Chris Van Allsburg, um clássico filme de Robert Zemeckis, com Tom Hanks em uma viagem fantástica em um trem direto ao Pólo Norte! Uma verdadeira história de Natal!






1. Polar Express (The Polar Express)

 
 
2004 – Inpirado na obra de Chris Van Allsburg, um clássico filme de Robert Zemeckis, com Tom Hanks em uma viagem fantástica em um trem direto ao Pólo Norte! Uma verdadeira história de Natal!
 
expresso polar filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal




2. O Conto de Natal dos Muppets (The Muppet Christmas Carol)

1992 – Um filme para crianças e adultos, que consegue juntar o infantil Muppets com a clássica história do fantasma do Natal passado, presente e futuro, que visita o velho avarento. Baseado no livro “A Christmas Carol” de Charles Dickens.
 
Muppet Christmas filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal



3. Esqueceram de mim (Home Alone)

1990 – O eterno clássico de Macaulay Culkin é um programa imperdível para o Natal! Com destaque para a sequência em Nova York, com típicos cenários do Central Park nevado.
 
esqueceram de mim filme natal classico Top 10 Melhores filmes de Natal




4. O Estranho Mundo de Jack (The Nightmare Before Christmas)

1994 – Um filme de Tim Burton, onde o Halloween se encontra com o Natal, um mundo a ser descoberto!
 
o estranho mundo de jack filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal




5. Um Conto de Natal (A Christmas Carol)

2009 – Para os mais clássicos, a releitura da história de Charles Dickens e a visita do Natal passado ao velho avarento, em uma versão inusitada e emocionante com Jim Carrey, Colin Firth e Gary Oldman, do mesmo realizador de Forrest Gump.
 
contos natal jim carrey Top 10 Melhores filmes de Natal
 
 
 
 

6. Um Duende em Nova York (Elf)

2002 – O filme estrelado por Will Ferrel traz um duende vindo diretamente do Pólo Norte para Nova York, o cenário perfeito para o Natal! A comédia de piadas fáceis conta sobre seu encontro com o pai, que claro, não acredita no Papai Noel!
 
um elfo em nova york filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal
 
 
 
 
 
7. “Grinch,
 
2000, com Jim Carey em um personagem muito curioso.
 
Grinch filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal





• 8. “Simplesmente Amor
 
(Love Actually), 2003, o verdadeiro Natal em Londres com Colin Firth, Bill Nighy, Liam Neeson, Keira Knightley, Emma Thompson, Martin Freeman, Rodrigo Santoro, Hugh Grant
.
love actually filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal




• 9/. “Milagre na Rua 34”

(Miracle on 34th Street), 1994, uma refilmagem do clássico de mesmo nome de 1947, uma fascinante história para todos aqueles que não acreditam no Papai Noel. Vale a pena conferir as duas versões!

milagredarua34 filme natal Top 10 Melhores filmes de Natal
 
 
Uma maratona completa de clássicos natalinos para passar momentos de pura magia! Os melhores filmes para essa época! E você, qual o seu filme de Natal favorito? - See more at:


 10.Um Natal Muito, Muito Louco

Um Natal Muito Muito Louco - 10 melhores filmes de natal

A tradução igualmente cretina para Christmas with the Kranks talvez esconda um os poucos filmes bons de Tim Allen, baseado no único livro de John Grisham que não tem advogados e dirigido pelo clássico natalino Chris Columbus, especialista em temáticas infantis. Mostra como mesmo tudo dando errado nos nossos planos de Natal, o fundamental é lembrar da família.

11.A Origem dos Guardiões

Origem dos Guardiões
 
Esse está nos cinemas ainda e compensa muito. Apesar de não se passar em sua maior parte durante o Natal, mostra um Papai Noel guerreiro, um Polo Norte totalmente diferente e uma oficina absolutamente fora do comum, além de transmitir exatamente o significado não apenas do Natal, mas de todo folclore similar. Um dos 10 melhores filmes de natal, com certeza.


12- Herói de Brinquedo



Querendo compensar o atraso na aula de karatê de seu filho quando ele ganha a faixa azul, Howard Langston (Arnold Schwarzenegger) pede para seu filho escolher qualquer presente de natal, e logo,ele escolhe o boneco que todos querem, o Turbo Man. No entanto, estão em véspera de natal e o brinquedo já foi esgotado em todas as lojas do país. Não querendo falhar novamente com seu filho, Howard faz de tudo para conseguir o brinquedo.

Britney Spears

10 albuns que eu recomendo

01:31

#1-Like a Virgin


Gente fala serio né ouvir Like a Virgin e Material Girls no mesmo CD ah é demais pro meu comparação né gente mais está ai em primeiro lugar o segundo álbum de estúdio da cantora "Rainha do Pop" Musicas bem Femininas e Feministas. E ainda revolucionaram o pop né gente. Sem duvidas merecem o lugar. Viva as nós Mulheres!!!



#2-Let Go

Falando serio agora tem algo mais Faith do que esse álbum? É o de estreia e o melhor (risos) amo muito tudo isso. O rock pop tem sentido nesse álbum pra mim ela é a maior a rainha do pop rock dos últimos anos... E só lembrar da palavra Complicated que vem o nome Arvil na cabeça gente é amável demais... 

#3 - Night at the Opera


Brincadeira ne gente "Bohemian Rhapsody é a melhor canção do grupo Queen
mais fala verdade bem que We are the champions, Radio GaGa, Somebody the Love poderiam ser deste álbum :(




#4-Bad




Um dos álbuns recordistas do Billboard né gente super recomendo e amo. O rei do Pop com seu sétimo álbum bateu seu maior recorde é claro né gente o Rei do Pop.



#5-Tennage Dream


Outro álbum recordista da Queen Pop Katy Perry ai muito bom recomendo ouvir nos dias Up são muito alegres as musicas super...


#6-In The Zone


Na minha opinião o melhor da Britney Spears  tem uma variedade  de musica imensa como Toxic é um electro pop muito dançante que lhe rendeu o Grammy  e tem muito a cara da Britney até hoje essa musica é lembrada e tocada nas rádios e baladas. I Got That (Boom Boom) e sua letra super divertida, The Hook Up não fica atrás... Outrageous é um R&B inspirado na cultura arábica (também presente em Toxic)  e Me Against The Music é um pop super original. Evertyme não  é uma baladinha chiclete como I Not A Girl I Not A Woman é uma super produção por isso o melhor de Britney..A cereja do bolo é trip hop sexual de Breathe On Me que é tão sexy quanto I'm Slave 4 Ü, pra se tre idéia, por fim Touch Of My Hand garante boas pinceladas de feminismo



#7-Impossivel Dizer

Alessandra deu o melhor de si nesse ultimo trabalho é um álbum gospel é um dos melhores da carreira da cantora ouvir as animadas Fiz tudo pra vencer ao som de guitarra (tipo ela saiu totalmente daqueles clássicos a La Sandy Paty e Barbara Stressaind) e Escolho ser fiel aquele som que soa tipo R&B m O pouco tempo que eu vivi . A Clássica Voa e ainda a MPB Amor Maior vale a pena (vale muito apena) conferir  a  versão live para ela e ainda Impossível Dizer onde a cantora mostra toda sua potencia vocal. E ainda É o Fim da Dor o pop gospel invade nessa musica.



#8-RED 


Brica não !!! Ouvir Red super pop music e 22 super country pop animadinha que já  virou hino entre as amigas e  I Knew You Were Trouble super triste e animada ao mesmo tempo é super demais viu gente super recomendo tabom.



#09-Born This Way



Para o seu segundo álbum de estúdio Gaga não excitou em deixar de lado seu lado Lady Gaga do pop e explorar mais o lado Stephanie com letras fantásticas (blasfemastes)  e super produções ela resolveu adotar o lado jazz o dance-rock e o pop original e ficou demais esse trabalho viu gente a canção titulo é como um hino para a comunidade LGBTQ. Judas tem um clipe polemico e letra super esotérica faz um tipo legal coreografia muito boa e The Edge Of Glory com aquele dance maravilhoso e You and I um country jazz de primeira qualidade. Por fim Marry the Night  que  lembra um pouco o pop dos anos 80. Podemos citar ainda citar The Queen, Electric Chappel e Blood Mary como faixas gostosas de se Ouvir.


#10-I Am... Sasha Fierce


As baladas, O R&B e ainda mais o pop desse álbum merecia esse lugar ne gente o melhor álbum na minha opinião  da Queen B é a maior. Por Exemplo If I Were A Boy um excelente carro chefe é aquela balada seria muito inspiradora, "Single Ladies (Put a Ring on It) clipe fantástico onde ela dança ate não poder mais e musica animadinha super...  "Halo é outra balada que foi um estouro na época..."Broken-Hearted Girl outra balada romântica que completava o álbum no melhor álbum da cantora... "Video Phone parceria com gaga já mostrava o sucesso que estava por vir (risos)....
Ego" era com certeza a melhor do álbum sem comparação ne gente R&B (black music) numa mistura de balada romântica o melhor álbum de Beyoncé...





Cinema

As 20 personagens femininas mais marcantes do cinema

20:45

Precisa explicar? Resolvi escrever este post para homenagear elas, as mulheres, sem as quais nem os filmes nem a vida teriam graça. Quando tive a ideia, dois dias atrás, fiquei pensando se deveria fazer a lista com dez ou vinte nomes. Na hora de fazer, tive quase 40 pré-selecionadas, então resolvi cortar para 20 mesmo. Vou deixar as tradicionais menções honrosas para o fim, assim não estrago a surpresa. Nem todas as personagens citadas vêm de grandes sucessos de público e crítica. Algumas tiveram seus maus momentos, mas todas são suficientemente representativas para estar aqui. Vejamos quem são elas, portanto.


20. Jessica Rabbit




Comecemos, pois, pela representante das personagens de animação. Jessica Rabbit atraia a atenção de todos os homens do elenco de Uma Cilada para Roger Rabbit (1988), mas mantinha-se fiel a seu marido, que era, alias, o coelho da tal cilada. Foram necessárias três mulheres de verdade para criar a de fantasia: Kathleen Turner deu voz à personagem durante os diálogos; Amy Irving foi responsável na hora de cantar; e Betsy Brantley foi o modelo para a aparência de Jessica. A personagem feminina que mais chamou a atenção em filmes de animação não poderia deixar de constar. Sereias, princesas e ogras que me desculpem, mas Jessica Rabbit é a escolhida.



19. Princesa Léia Organa


É difícil criar símbolos sexuais que vão além da sua próprio geração, mas a Princesa Léia – de Star Wars (1977); Star Wars: Episódio V – O Império Contra-Ataca (1980); e Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jedi (1983) – com seus penteados em coque e seu antológico biquini de metal continua sendo fetiche para muitos – há um excelente episódio de Friends que fala sobre isso, por exemplo. Isso sem contar que ela é filha do Darth Vader, mas é do bem. Foi interpretada por Carrie Fisher nos três filmes.


18. Gilda


Não é só o título que é dedicado à personagem. O filme Gilda (1946) é todo de Rita Hayworth, que esbanja atitude, domina a tela e encanta a todos. A cena da dança é patrimônio cinematográfico. “Put the blame on Mame, boys”. Alias, ela é uma das únicas três personagens da lista que dão nome a seus filmes. Sabe quem são as outras duas?

17. Mulher-Gato


Nem só de heroínas bem intencionadas vive o mundo dos super-heróis, e entre as personagens de moral ambígua nenhuma é mais interessante que a Mulher-Gato. É verdade que a pobre personagem viu seu nome arrastado na lama pelo terrível filme estrelado por Halle Berry em 2004. Mas isso não a torna indigna de figurar na lista, ainda mais porque, antes disso, ela havia sido interpretada pela maravilhosa Michelle Pfiffer em Batman – O Retorno (1992), de Tim Burton.


16. Lola Lola


A mulher que fez um respeitado e severo professor perder tudo o que tinha, Lola Lola, do clássico O Anjo Azul (1930), foi interpretada por ninguém menos que Marlene Dietrich, em uma atuação que seria ousada e sedutora até pelos padrões de hoje. Perigosa e inesquecível.


15. Grace Margaret Mulligan


Interpretada em Dogville (2003) por Nicole Kidman – em um desempenho dos melhores que eu já vi – e em Manderlay (2005) por Bryce Dallas Howard, Grace é a síntese das boas intenções que pavimentam o caminho do inferno. Enquanto tenta encontrar o equilíbrio prático entre suas crenças e atitudes (e, por extensão, descobrir quem é), ela inadvertidamente expõe o pior das pessoas e destrói tudo a seu redor.


14. Padmé Amidala


Eis aqui uma mulher que ocupa um cargo de importância (senadora da República Galática) e ainda precisa lidar com a gravidez e problemas no casamento – com um Jedi. Obviamente, não faltam aqueles que queiram traí-la, derrubá-la ou matá-la. Por que é preciso que a estória se passe em uma galáxia distante para podermos ver uma mulher assim em uma grande produção do cinema? O fato de ter sido interpretada por Natalie Portman, uma das atrizes mais talentosas de sua geração, sem dúvida contribui. Apareceu em Star Wars: Episódio I – A Ameaça Fantasma (1999); Star Wars: Episódio II – O Ataque dos Clones (2002); e Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith (2005).


13. Vesper Lynd


As bond girls são praticamente entidades dentro do cinema. E a melhor delas não poderia faltar. Vesper – vista em 007 Cassino Royale – é linda, charmosa, inteligente, sedutora, mas acima de tudo tem personalidade. Não é apenas mais uma mulher para entrar na lista de conquistas do galã James Bond, é um par a sua altura. É, na verdade, a mulher que define a relação de Bond com as mulheres. Eva Green dá vida à personagem, em um desempenho arrebatador.


12. Maria


A expressão máxima da esposa, Maria torna a vida de todos – adultos, adolescentes e crianças – mais feliz. Apóia a todos nas horas de necessidade e os inspira a se desenvolverem por si próprios, com liberdade para descobrir quem são. Quando a situação se torna realmente perigosa, ela não foge da raia. Além disso, A Noviça Rebelde (1965) é o filme preferido da minha mãe, e isso só já bastaria. Maria foi interpretada por Julie Andrews.


11. Lois Lane


Pense no maior super-herói de todos os tempos. Quem poderia fazer par com ele? A resposta é Lois Lane, uma repórter inteligente, ambiciosa, ousada e corajosa, que mesmo sem visão de raio-X ou superaudição consegue sempre saber onde os grandes eventos estão se por acontecer. Interpretada por Margot Kidder em Superman – O Filme (1978), Superman II (1980), Superman III (1983) e Superman IV – Em Busca da Paz (1987); e por Kate Bosworth (em atuação bastante criticada) em Superman – O Retorno (2006), Lois Lane é um símbolo da inserção da mulher – e de seu sucesso – no “mundo masculino” da competitividade e eficiência extremos.
Ufa, dez já foram, faltam agora as top 10. Discordou de muita coisa até agora? Já imagina quem ocupa as primeiras posições? Vamos descobrir.


10. Celine


De uma jovem sonhadora a uma mulher entristecida por anos de vida real, Celine, personagem dos filmes Antes do Amanhecer (1995) e Antes do Pôr-do-Sol (2004), é uma das mulheres mais reais, e mais belas, já retratadas no cinema. É interessante ressaltar que os mesmos nove anos que se passaram entre os dois filmes se passaram, dentro da estória, na vida dos personagens, e assim podemos comparar a mesma mulher em duas épocas diferentes, cada uma com sua beleza e seu sofrimento, suas inseguranças e suas certezas. Julie Delpy é a atriz responsável por essa tarefa, e a realiza com primor. E, de quebra, protagoniza um dos melhores finais de todos os tempos – o de Antes do Pôr-do-Sol. Se você não viu esses filmes, veja os dois logo.


09. Hermione Granger


Se a Celine da décima posição representava duas fases da idade adulta de uma mulher, a melhor amiga de Harry Potter cresceu nas salas de cinema, desde a criança que entra para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts até a adolescente que carrega responsabilidades de adulto. Hermione é a mais brilhante aluna de sua turma, tem a lealdade que só se encontra nos melhores amigos, é bonita. Nem por isso deixa de ter aquela insegurança que todas as pessoas interessantes possuem. Em suma, é uma pessoa cheia de nuances e detalhes, em um nível que não é fácil encontrar no cinema. Quando Harry Potter e a Pedra Filosofal foi lançado, em 2001, Emma Watson – atriz que interpreta Hermione – tinha 11 anos. Quando o oitavo e último filme da série – Harry Potter e as Relíquias da Morte parte 2 – chegar aos cinemas, em julho do ano que vem, ela já terá completado 21. Nenhuma outra atriz de que eu me lembre dedicou tanto de sua vida a uma só personagem. Melhor, só se fosse possível encontrá-la dizendo “Accio Hermione”.


08. Dora


Alguém que atravessa um país para ajudar um garoto órfão, que ela recém conheceu, a encontrar seu pai: essa é Dora, personagem de Fernanda Montenegro em Central do Brasil (1998). Dora representa o Brasil que, mesmo enfrentando todo o desencorajamento de um sistema injusto e cruel, não desiste de ter esperança, se não por si, pelos outros. Ela é a mãe criada não pelo parto, mas pela circunstância. Uma personagem tão forte nas mãos da melhor atriz brasileira só poderia ter esse resultado, uma das melhores atuações, se não a melhor, do nosso cinema.


07. Mrs. Robinson


O ícone máximo da mulher mais velha, Mrs. Robinson ganhou música com seu nome, peças de teatro nos EUA, Inglaterra e até no Brasil, e apareceu em uma comédia romântica recente terrivelmente ruim na qual foi interpretada por Shirley MacLaine. Mas foi Anne Bancroft, no filme A Primeira Noite de um Homem (1967), quem imortalizou a mulher casada que seduz o recém-formado Ben Braddock. Ele eventualmente se apaixona pela filha dela, mas não deve nunca ter esquecido de seu breve affair que gerou uma das falas mais conhecidas do cinema: “Mrs. Robinson, you’re trying to seduce me“.


06. Eliza Doolitle


Duas palavras: Audrey Hepburn. Uma das maiores atrizes de toda a História, ela rouba a cena a cada segundo que está na tela neste filme sobre um aristocrata que aposta com seu amigo ser capaz de transformar uma moça simples e rude em uma dama. Enquanto ele a salva da pobreza, ela o ensina a alegria da vida. Parece com Uma Linda Mulher? Pois é, My Fair Lady – Minha Bela Dama (1964) é o Santo Graal das comédias românticas, e inspirou levas de filmes desde seu lançamento. Sem nunca ser batido.



05. Ann Darrow


A bela que derruba a fera, essa é Ann Darrow, a atriz aspirante a estrela que torna-se objeto do desejo de King Kong. Por ela, o gorila gigante encara dinossauros, enfrenta homens armados, destrói metade de Nova York, e eventualmente sacrifica a própria vida. Foi interpretada por Fay Wray em 1933, Jessica Lange em 1976 (nessa versão de King Kong, a personagem recebeu o nome de Dwan) e Naomi Watts em 2005. Os gorilas preferem as loiras.


04. Lolita


Mais que um personagem, Lolita é um símbolo, é uma expressão linguística. Uma das criaturas mais perigosas do planeta, a menina-mulher que sabe que atrai os homens, mas não controla plenamente sua sensualidade tem um efeito tão devastador que nada ao seu redor escapa. Morte, loucura e destruição são seu rastro, mas ela mal os compreende, os vislumbra e segue em frente com sua sutil sedução. Para ela, a vida é um jogo. Que todos os outros perdem. Foi interpretada por Sue Lyon no clássico de Stanley Kubrick (1962) e por Dominique Swain no remake de 1997.


03. Norma Desmond


Gloria Swanson, em uma das melhores atuações femininas da História, encarna a ex-estrela que não consegue lidar com a perda da fama. Consumida pela decepção e andando no limite entre sanidade e loucura, ela aposta suas fichas em um roteirista fracassado. Geralmente, títulos de filmes no Brasil são terríveis, quando se afastam da tradução do título original. Esse caso é a exceção: embora óbvio, Crepúsculo dos Deuses resume bem a personagem Norma Desmond. Ela representa o fim de uma era, a derrota do velho pelo novo e o sofrimento daqueles que se vêm deixados para trás no processo. Muitos são os bons diálogos, mas minha frase preferida da personagem é a que ela dá em resposta ao roteirista, quando ele diz que ela costumava ser grande: “Eu SOU grande. Os filmes é que ficaram pequenos.” O filme é de 1950.


02. Blanche DuBois


A lista já trouxe muitas mulheres fortes que, com sua beleza e atitude, deixam rastros de corações partidos e ilusões destroçadas. Mas um dos maiores ícones do cinema representa o oposto disso: uma mulher tão pressionada pela mudança da ordem das coisas que é levada à depressão e à loucura. Vinda de uma família rica do velho sul dos EUA, Blanche encontra-se sem dinheiro, passa a morar com a irmã Stella e o cunhado Stanley, a quem odeia profundamente. Alternando-se entre dolorosos contatos com a realidade e fantasias de uma vida perfeita, o que sobra de Blanche ao final é uma mulher partida, destruída por um mundo ao qual não conseguiu se adaptar. Blanche DuBois foi levada às telas muitas vezes, mas nenhum tão marcante quanto a interpretação de Vivien Leigh no filme Uma Rua Chamada Pecado, dirigido por Elia Kazan em 1951, no qual Leigh fez par com Marlon Brando.
Ah, chegamos à primeira colocação. Quem você acha que é? Uma mulher feminina, durona, dona de casa, alta executiva? Duas pistas: espaçonaves e ressurreição.

Sim, a vencedora é ninguém menos que Ellen Ripley, personagem principal da série Alien, interpretada nos quatro filmes existentes até hoje – Alien – O Oitavo Passageiro (1979), Aliens – O Resgate (1986), Alien 3 (1992) e Alien: A Ressurreição (1997) – por Sigourney Weaver (há o projeto de um novo, possivelmente uma prequel). Ela protege menininhas indefesas, ajuda os colegas de equipe e até mesmo prisioneiros perigosos, enfrenta a ganância de megacorporações… E tudo isso enquanto sai no tapa com os mais assustadores extraterrestres do cinema! Ela sacrifica até a própria vida para evitar que as terríveis criaturas continuem se espalhando pela galáxia. Mas nem mesmo a morte pode pará-la, ela volta à vida! Não há competição possível!


Na carreira de Sigourney Weaver é possível encontrar personagens que representam quase todas as qualidades citadas durante a lista, e a combinação de uma atriz talentosa e versátil com uma personagem raramente dada a mulheres até então traz como resultado um marco do cinema. Ellen Ripley é a ultimate bitch, melhor personagem feminino da História do cinema, simples assim.
Como prometido, algumas menções honrosas. Para começar, qualquer personagem interpretada por Meryl Streep é marcante. O mesmo vale para as mulheres de Almodóvar. Mas seria injusto escolher uma delas para se sobrepor sobre as outras. Fica então aqui o reconhecimento a elas. Outras mulheres consideradas foram: Beatrix Kiddo (Kill Bill), Sarah Connor (Exterminador do Futuro), Trinity (Matrix) e Lara Croft (Tomb Raider – todas bem representadas pela Ripley; Clarice Starling (O Silêncio dos Inocentes e Hannibal), que passou raspando; Amélie Poulain; e Alice, personagem de Natalie Portman em Closer – Perto Demais.

Mais Lidas

Postagem em destaque

E Se Prety Little Liars Fosse Brasileira? (Versão Globo)

Já fizemos esse post aqui, porém no modo SBT (isso é, usando atores jovens do SBT) agora vamos fazer usando os da Globo.inc. Você já pensou...

Posts mais vistos